quarta-feira, 20 de março de 2013

RECORDAR QHUINN E BLAY


Uma amiga minha (daquelas mesmo muito desocupadas) mandou-me uma seleção de imagens horríveis (babei-me tanto…) que ela andou feliz, contente e aos saltos a catar pela net e que me mandou para o mail (moça traiçoeira!). O tema era Qhuinn/Blay. Como não consigo gostar de ruivos (daquela forma que vocês me entendem…), selecionei um Qhuinn e um Blay encapuçado (he he he).





http://flameddevil.tumblr.com/post/29094106923/xhexania-team-qhuay-qhuinn-by-lisirien

São mesmo horríveis, não são? Que horror! Até acho que se me colaram aos olhinhos de tão maus que são! (Tenho que procurar a medicação…)

A escolha levou-me a uma investigação horrorosa. Vejam lá que me obrigou a reler um capítulo inteiro do Na Sombra do Amor (o cap. 30) para ver o momento em que se oficializou o cargo de ahstrux nohtrum. Sim, porque o meu lindo e maravilhoso Qhuinn tinha de bater certo com o do livro, não como gato por lebre! (No caso dele, acho que comia qualquer coisa!... Valha-me Deus, como eu me ponho…)

 “(…) V posicionou-se atrás dele. Colocou a corrente em redor da garganta de Qhuinn (…).
- Só sai daqui se morreres ou fores despedido.” (pág. 385)
Quando V lhe ia fazer a tatuagem, lê-se assim “No rosto?, pensou John quando V limpou a parte superior da face esquerda de Qhuinn” (pag. 385)
Mais à frente: “Com o cabelo negro curto, aqueles pírcingues na orelha e a tatuagem sob o olho azul(…).” (pag 388)

Como veem, bate tudo certinho! (Ao contrário de muitas imagens que para aí circulam só para me enganarem.)
Entretanto, nesse capítulo, dei de caras com:

Sem querer ofender-te, mas és assim tão importante para ele? [para Blay]
Os olhos desiguais de Qhuinn fitaram os de John.
- Sim. Sou. E não faças mais perguntas a esse respeito.” (pág 389)

Eles andaram a marinar quase desde o início! Este é o 6º volume e eles só se encontram no 11º! Olhem que eu não me dei conta disto… Burrinha!

Mas a cereja no topo do bolo deste capítulo é:

“- Os seus desejos [de John] são ordens, meu príncipe.
Não me chames isso. (…)
- Então como devo chamar-te? (…) Preferes “meu suserano”?
Poupa-me, sim?
- Que tal o velho e querido “Amo”? – Quando John o fulminou com o olhar, Qhuinn encolheu os ombros. – Está bem, cabeçudo será. Mas é escolha tua, eu dei-te outras opções.” (pág. 389)

Lindo! Lindo!
Que mNM­! Vou ter de ler isto tudo outra vez! Ai, vou ter, vou (as desculpas que eu invento! E os calmantes que se evaporaram…).



2 comentários:

Acho que o Qhuinn já tem piercings nas sobrancelhas, fica um bocado difícil de saber todos os que ele tem, pois ele do nada vai arranjando mais...
Não tinhas reparado nessa resposta do Qhuinn ao John??? fiquei logo com a pulga atrás da orelha e depois ainda deu para perceber que se passava ali qualquer coisa quando ambos passaram pela mudança
Por momentos pensei que ias colocar a fala em que o Qhuinn diz ao Blay que apesar de ser o ahstrux nohtrum do John, irá sempre protege-lo, até com a sua própria vida se for preciso

E no 8 descobre-se que tem um piercing na língua também! :)

Houve uma cena em que até tive pena do Blay porque o Qhuinn parecia nem ter dado conta do que disse.

"não gosto de ruivas" xD
E eu do tipo: E de ruivos gostas?